Miguel Vaz garante extensão da Ferronorte até Lucas do Rio Verde

Must read

Miguel Vaz garante extensão da Ferronorte até Lucas do Rio Verde

Produtores rurais de MT são destaque nacional por técnicas ambientais

Primeiro lote será usado para vacinar 32,5 mil pessoas em MT

A aprovação do novo Marco Regulatório das Ferrovias pelo Senado, em votação prevista para o dia 24, vai garantir autorização para a extensão dos trilhos da Ferronorte para Cuiabá e depois Lucas do Rio Verde. A garantia foi dada nesta terça-feira pelo ministro da Infraestrutura, Tarcísio de Freitas, ao prefeito de Lucas do Rio Verde, Miguel Vaz.

De acordo com a assessoria, uma série de emendas será apresentada pelos senadores Jaime Camoes e Wellington Fagundes ao projeto original. Ao mesmo tempo, o Ministério da Infraestrutura, segundo explicou o ministro, irá determinar a avaliação dos estudos encaminhados pela concessionária à Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT).

A Ferronorte deverá ser a primeira ferrovia brasileira a ser construída pelo regime simplificado de autorização. “Sou entuasiasta da Ferronorte” – disse o ministro.

A par dos entendimentos, o senador Jayme Campos se disse satisfeito com o resultado da reunião e foi taxativo ao afirmar que “a Ferronorte será uma realidade”. Ele fez questão de destacar que “o sonho do povo cuiabano, do povo mato-grossense, do senador Vicente Vuolo, será uma realidade”. Jayme previu  que entre o final de abril e o  início de maio, seja expedida a autorização, em evento em Cuiabá com a presença do ministro da Infraestrutura e também do presidente Jair Bolsonaro.

“Além do caráter histórico, a autorização para implantação da extensão da Ferronorte garante investimentos no Estado na ordem de R$ 8,5 bilhões pela concessionária Rumo, com a geração de milhares de empregos e avanços na nossa economia” – salientou Fagundes.

Na reunião com Freitas, o senador Wellington Fagundes fez questão de destacar o trabalho realizado com Jayme Campos junto ao Tribunal de Contas da União, ANTT e Ministério da Infraestrutura para garantir a renovação antecipada da concessão da malha paulista. Esse fator, segundo o senador do PL, é determinante para que a concessionária possa implantar novos trilhos em Mato Grosso.

De acordo com o projeto acordado pelos senadores com o Ministério da Infraestrutura, a Rumo irá expandir os trilhos de Rondonópolis, onde possui o maior terminal de cargas da América do Sul, em direção a Campo Verde, Cuiabá, Nova Mutum e Lucas do Rio Verde. A direção da empresa informou que já adquiriu áreas para a construção dos terminais de carga nesse novo trecho.

- Advertisement -spot_img

More articles

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

- Advertisement -spot_img

Latest article

Miguel Vaz garante extensão da Ferronorte até Lucas do Rio Verde

Produtores rurais de MT são destaque nacional por técnicas ambientais

Primeiro lote será usado para vacinar 32,5 mil pessoas em MT