Presidente da Câmara e vereadores viajam a Brasília em busca de utilidade para o prédio da UPA

Os vereadores e o secretário municipal de Saúde têm reunião marcada no Ministério da Saúde

Jiloir Pelicioli/PDT, presidente da Câmara de Lucas do Rio Verde.

O presidente da Câmara, vereador Mano (Jiloir Pelicioli/PDT) e os vereadores, Marcos Paulista (PTB), Professora Cristiani Dias (PT) e o secretário municipal de Saúde, Jean Machado, viajam a Brasília nesta quarta-feira (04).

A comitiva luverdense tem reunião agendada com o coordenador geral de Urgência e Emergência, do Ministério da Saúde, Moisés Saraiva.

O objetivo do encontro é solicitar a autorização do governo federal para a mudança do Posto Central para o prédio da Unidade de Pronto Atendimento (UPA 24 Horas).

De acordo com o vereador Airton Callai (PSB), o assunto já foi discutido pelos vereadores com o prefeito Luiz Binotti e há um entendimento entre todos de que essa é a melhor solução, devido ao custo mensal da UPA.

São necessários aproximadamente R$ 1 milhão por mês para a manutenção da unidade, com atendimento médico e odontológico, de urgência e emergência, 24 horas por dia.

O prédio da UPA foi entregue em dezembro de 2016, na gestão do ex-prefeito Otaviano Pivetta. Foram investidos na parceria entre o governo federal e o município, R$ 2.7 milhões.

Segundo o secretário municipal de Saúde, Jean Machado, mesmo com a mudança, o Central irá continuar com o mesmo horário de funcionamento, das 6h à meia noite.

O novo prédio possui mil metros quadrados de construção. Além do Posto Central, a proposta é também instalar o Centro de Especialidades, setor de ortopedia e radiologia.